Publicada em por Philipe Bastos / ATN em Geral

Inscrições para concurso da Polícia Civil do Tocantins estão abertas

Foram abertas nesta segunda-feira, 10, as inscrições para o concurso da Polícia Civil do Tocantins. Ao todo, são 515 vagas entre cargos de provimento imediato e cadastro de reserva que abrangem as carreiras de delegado, agente, escrivão, papiloscopista, agente de necrotomia, perito legal e médico legista. As inscrições seguem até o dia 9 de abril e as provas objetivas, referentes à primeira etapa do certame estão previstas para três datas diferentes: 25 de maio para delegado, 1º e 8 de junho para os demais cargos.
Conforme a organizadora do concurso, a Fundação Aroeira, todos os candidatos devem fazer um cadastro no site da empresa (http://www.fundacaoaroeira.com.br/cadastro/) antes de efetivar as inscrições. “O cadastro serve para facilitar o processo de inscrição dos candidatos. Por meio dele, será possível aos candidatos se inscreverem em outros concursos organizados pela fundação sem precisar preencher os dados que já estão no cadastro único. Em torno de 5 mil pessoas já se cadastraram no nosso sistema”, explicou o coordenador geral do concurso, professor Ronaldo Pinheiro.
Segundo o coordenador, o cadastro no sistema da Fundação Aroeira é simples e facilita o processo de inscrição. “No cadastro é exigido o número do CPF, uma senha e um e-mail válido e, a partir daí, basta preencher os espaços com os dados pessoais, endereço e contatos. Depois, no ato da inscrição, será preciso somente definir os cargos e locais de prova”, pontuou.
Para os cargos de agente, escrivão, papiloscopista e agente de necrotomia, os candidatos poderão escolher onde realizarão a prova objetiva, entre as cidades definidas em edital. “Os candidatos podem fazer as provas em Palmas, Araguaína, Gurupi, Tocantinópolis ou Augustinópolis. Para os demais cargos, as provas serão realizadas somente em Palmas”, frisou Pinheiro.
Ao todo, foram disponibilizadas 515 vagas para provimento imediato e cadastro de reservas da Policia Civil. Das 397 vagas previstas para provimento imediato, 97 são para delegado, 38 para agente, 162 para escrivão, 20 para auxiliar de autópsia, 10 para papiloscopista, 10 para médico legista e 60 para perito criminal.
Durante o lançamento do edital do concurso, o secretário de Estado da Segurança Pública, José Eliú de Andrada Jurubeba, frisou que diversas entidades ligadas à Polícia Civil foram consultadas para se chegar ao total de vagas. “Este concurso é a superação de uma demanda. Ao número total de vagas, se chegou depois de consultar os sindicatos, delegados e outras entidades”, completou.
Outros concursos
Além do concurso da Polícia Civil, recentemente iniciado, o governo do Estado já promoveu uma série de certames que abriram vagas de trabalho para milhares de pessoas do Tocantins e de outros estados que vieram à mais nova unidade federativa brasileira. Depois das últimas convocações, o concurso do Quadro Geral atingiu a marca de mais de 4,5 mil candidatos aprovados nas provas. Ao todo, com este número, o Tocantins chega 93% de servidores efetivos. Além disso, estão em fase final de execução os concursos da Polícia Militar e do Corpo de Bombeiros que, juntos abriram 520 vagas de emprego que serão preenchidas por soldados que estão em fase de treinamento pelas duas corporações.